Robertão, o gordo.

Posted in Uncategorized on 27/07/2010 by Mister Pom

QUEM GANHOU A FAMA DE “GORDÃO” FOI REIROM. NO ENTANTO, VEJAM ESSA FOTO DE ROBERTÃO. COMO SE NÃO TIVESSE UMA BOCHECHA DE TROMPETISTA DIZZY GILLESPIE QUASE EXPLODINDO E DOIS QUEIXOS, ELE AINDA USA CASACO LISTRADO, QUE É PRA FICAR PARECENDO COM EMBALAGEM DE PIRULITO, DOCE DE SUA PREDILEÇÃO DEPOIS DE CHOCOLATE CHOKITO.  A GENTE É HONESTO E FALA NA CARA QUE O CARA É GORDO E ELE FICA MAGOADO E CHAMA CHOKITO PRA BANIR TOKICHO. DAÍ TODOS TEM QUE TIRAR FOTO EM VOLTA DE ROBERTÃO, PORQUE ELE NÃO CONSEGUE OBVIAMENTE SAIR DA CADEIRA COM ESSE CUZÃO. FICA ENTALADO MESMO. DAR PENA MEUS AMIGOS.

REIROM EM MUITO MELHOR FORMA. DEVE SER DEPRESSÃO DESSE NOJENTO EM VER GALO NA ZONA.

REIROM É PATRIOTA

Posted in Uncategorized on 20/07/2010 by Mister Pom

Quando pequeno ouviu o hino nacional, que muito o impressionou.  Ouviu a frase “deitado em berço esplêndido” e tomou como filosofia de vida. Reirom é um patriota. Isso é tudo.

Era um pezinho muito engraçado

Posted in Uncategorized on 11/07/2010 by Edson

era um pé muito fofinho
aquele pé do felipinho
ninguém podia passar a mão
nem mesmo lya o seu batom

era tratado a cremes mil…
pezinho lindo, suave e esguio

mas era branco, um bocado branco
aquele pé de calçar tamanco
que ria lya pouco sutil
disse “mocinha” e depois partiu…

aquele pé ficou em frangalhos
cheirando podre feito alho
uma frieira nasceu ali!
dizia lya “eu te preveni!”

mas o pezinho outrora belo
já estava manco e amarelo
disse rodrigo, nenhum receio
“perto disso, não sou tão feio”

e acaba o… poema aqui
feito pra marvelya rir
se não acharam nada engraçado
não é meu pé o do viado

PREVISOES PARA OITAVAS

Posted in Uncategorized on 25/06/2010 by Mister Pom

URUGUAI VENCE CORÉIA COM ALGUMA FACILIDADE, 3 A 0.

EUA VENCE GANA NOS PÊNALTIS

HOLANDA PASSA POR MAGRO 1 A 0 DE ESLOVÁQUIA

BRASIL BATE ESPANHA PRO MAGRO 1 A 0 TAMBÉM

ARGENTINA 2 A 0 NO MÉXICO

ALEMANHA VENCE 2 A 1 INGLATERRA, GOL NOS ULTIMOS MINUTOS DE CACAU.

JAPÃO BATE PARAGUAI POR 2 A 1 COM ATUAÇÃO EXCEPCIONAL DE HONDA. VOU DE HONDA PRAS QUARTAS DE FINAL.

PORTUGAL BATE SEJA QUEM FOR. SE FOR CHILE BATE POR 2 A 0. SE FOR SUIÇA, BATE POR 3 A 0.

É ISSO AÍ AMIGOS. QUEM MANJA FALA, QUEM NÃO MANJA LÊ.

HEBEFRENIA

Posted in Uncategorized on 23/06/2010 by Edson

Hebefrenia (do grego. hébe, mocidade + phrén, inteligência, alma) é uma enfermidade mental própria de adolescentes e que conduzia rapidamente à loucura. Foi inicialmente descrita em 1863 pelo médico alemão Karl Kahlbaum. Em 1871, Ewald Hecker, discípulo de Kahlbaum, apresentou uma análise mais detalhada da hebefrenia, caracterizando-a por um “‘afeto bobo, pueril’, por alterações comportamentais graves e desagregação progressiva do pensamento”. Em 1884, Kahlbaum fez menção a um outro grupo de pacientes, que o autor descreveu com detalhes em 1890: o grupo dos adolescentes hebóides (“jovens viciados, instáveis, caprichosos, sujeitos à cólera”.

Enquanto os hebefrênicos manifestavam sintomas evidentes de loucura, os jovens hebóides apresentavam alterações, principalmente, nos âmbitos das relações sociais e da personalidade, através de flutuações abruptas do humor e do comportamento: “Oscilam rapidamente de um estado melancólico para um expansivo, ficando facilmente irados. São jovens que, embora pensem e raciocinem corretamente, discutindo os mais variados assuntos com facilidade, têm de fato uma certa dificuldade em apreender de forma precisa a realidade. Entretanto, apesar desta forma de pensar dispersa e pouco útil, os hebóides, ao contrário dos hebefrênicos, não apresentam idéias delirantes verdadeiras”.

Esquizofrenia hebefrênica

A esquizofrenia hebefrénica é uma forma de esquizofrenia caracterizada pela presença proeminente de uma perturbação dos afetos; as idéias delirantes e as alucinações são fugazes e fragmentárias, o comportamento é irresponsável e imprevisível; existem freqüentemente maneirismos. O afeto é superficial e inapropriado. O pensamento é desorganizado e o discurso incoerente. Há uma tendência ao isolamento social. Geralmente o prognóstico é desfavorável devido ao rápido desenvolvimento de sintomas “negativos”, particularmente um embotamento do afeto e perda da volição. A hebefrenia deveria normalmente ser somente diagnosticada em adolescentes e em adultos jovens.
PRINCIPAIS CARACTERISTICAS: Inicia-se antes dos 25 anos de idade; Risos imotivados; Expressões Bizarras; Condutas Tolas; Afastamento Social; Descuido com a aparência; Emboatamento Afetivo.

Minha história com a Várzea

Posted in Uncategorized on 21/06/2010 by Edson

Eu vivia no mundo das drogas, perdido e desencaminhado na Crackolândia de Anta Gorda, minha cidade natal. Meus amigos eram aviõezinhos, meus irmãos falcões, meus pais viciados e minhas avós tricotavam no quarto contíguo pra sustentar o consumo de crack da nossa família.

Um dia passei por um cartaz da campanha Crack Nem Pensar veiculada pela mídia televisiva mais confiável do Rio Grande do Sul e vi ao lado dele um pequeno adesivo escrito “jezuis ja vorto e ta na na varsia…”. Parei alguns minutos tentando decifrar o bilhete enquanto o fogo queimava o aerolito metafísico do gênese transcendental ontológico, ou seja, meu crack. O que seria varsia, pra que isso servia e em quanto tempo queimaria era o que me perguntava… até cortar o efeito da pedra e aí meu amigo, haja coração, eu só queria mais pedra e mais pedra e mais crack e mais pedra e fazia do meu corpo uma experiência química que a física não permite. Esqueci o bilhete e minhas ponderações.

Outro dia encontrei na rua o amigo do bisavô do meu vô seu Orlando Paranhos junto de um ilustre desconhecido e, como se a Revelação profética do shahâda flutuasse ao meu redor (embora fosse a fumaça da pedra), uma luz emanada da Caaba flexionou o lobo posterior direito do meu cérebro aludindo-me à reminiscência do bilhete cabalístico ao lado do cartaz da campanha Crack Nem Pensar. Achaquei Orlando Paranhos por dois minutos faturando seis reais do velho pra minha sopinha de pedra “pelos velhissississímos tempos” onde, segundo ele (e seu amigo João Trajado) “o futebol era aquela coisa alegre, descompromissada, palco de craques como Edu, aquele mesmo, irmão do Zico (melhor que ele), ponta esquerda do inesquecível América de 66 que também tinha Chiclete; Paulinho, Pezão; Bola, Alfinete; Zé Tirica, Rui Escova, Pirulito e Zagallo…”.

Pra cortar o falatório do seu Paranhos que agora lembrava o Bangu de 43, perguntei se por acaso “varsia” não era uma palavra do nosso português arcaico dos tempos da corte de D. João. Ele não soube responder e perguntou-me porque o inquiria a respeito, quando expliquei a história do adesivo. Eis que o ilustre desconhecido ao seu lado, que discutia asperamente sobre restrições orçamentárias quanto ao novo catálogo da Hermes com sua possivelmente namorada Jussylédna, me olhou estupefato: “Imtaum vussê vil meo biliéti fasenu popragramda da Varsia?”. Respondi que, provavelmente, sim. Seu nome era Denílson, que percebi ser um estagiário com potencial. Perguntei-o sobre o que aquilo se tratava enquanto ouvia Jussylédna gritar no celular “ieu keru perfumih ‘Iscola’ da Carla Peris i vô cunprá!!!!” ao que ele me respondeu se tratar da Várzea, níusleter da Trivela, sobre moda, comportamento, atitude, ciclo menstrual e futebol. Interessei-me. Dei boa tarde a seu Paranhos que agora lembrava o Sertãozinho de 29 que “se não fosse a quebra da bolsa seria o Real Madrid brasileiro, meu jovem” e me despedi do Denílson e também da Jussylédna que agora sambava no 3G pro estagiário com potencial.

Esqueci até da pedra e fui correndo pra casa saber o que era essa tal de Várzea. Foi amor à primeira vista. Meu irmão veio puçucar pedra de mim e também parou um minuto pra ver o que eu tava fazendo. Foi hipnotizado. E aos poucos, todos da minha casa iam ao meu quarto e permaneciam estáticos como aquele episódio do choque do Chaves ou a Uvaiãiãiãiã Elétrica. A Várzea livrou minha família das drogas. Hoje, somos uma família correta e feliz, livre das drogas. Só meu pai ainda bate na minha mãe, minha irmã se prostitui e minha vó vive em regime escravocrata no porão da casa tricotando pra sustentar a família. Mas crack, nem pensar.

Esta é minha história com a Várzea. Ou não.

Roberto, Anta Gorda.

LUIS FABIANO PIOR ATACANTE TITULAR DO BRASIL EM COPAS

Posted in Uncategorized on 15/06/2010 by Reirom

QUERO A SELEÇÃO DE PROPAGANDA
terça-feira, 15 de junho de 2010 | 16:33

Acabo de ver Luís Fabiano jogando no time da Brahma, no comercial da TV. Isso é que é centro-avante, não aquilo que vi há pouco.

EU AVISEI..